Aldara Bizarro

Agora nascíamos outra vez

2024

Estou, aqui, nua, e imagino a minha neta mais velha do que eu. Oiço-a comentar o futuro que comprometi com os meus gestos. Repenso o que faço a cada dia, o que ainda tenho para fazer e quando quase me preparo para lhe fazer uma pergunta, ela interrompe-me e diz-me:
– Sim, ainda vale a pena. Porque no futuro haverá sempre futuro se agora estiveres presente.
Fiquei a pensar. Ainda terei tempo?
– Teremos sempre tempo – respondeu a minha neta agora, lá, no futuro, com mais do que a minha idade de hoje. – Vamos começar?
– Como fazemos?
– Fecha os olhos.
E eu fechei os olhos.
– Agora dá-me a tua mão e ligamos o teu passado ao meu futuro.
E eu, ainda um pouco mais nova do que ela, dei a mão à minha neta mais velha. Respirei fundo.
– E agora? 

Patricia Portela

 

Ficha Técnica e Artística

Coreografia
Aldara Bizarro
Textos
Patrícia Portela
Composição Musical
Noiserv
Espaço Cénico
Fernando Brízio
Design de Luz
Daniel Worm

Intérpretes
Angelina Mateus
Carlos Fernandes

Catarina Rico
Cristina Gonçalves
Edmundo Sardinha
Elisa Worm
Isabel Simões
João Silvestre
Júlia Guerra
Kimberley Ribeiro
Maria Emilia Castanheira

Maria Helena Falé
Michel
Paula Bárcia

Direção Artística
Paula Varanda

Coordenação Executiva
Sofia Baptista

Fotografia e Vídeo
João Cardoso Ribeiro

Consultora de Comunicação
Inês Lampreia

Assistentes de Produção
Hannya Melo
Raquel Magayevski
Samuel Santos

Causa Maior 2023

No último ano do projecto CAUSA MAIOR, desafiámos a coreógrafa Aldara Bizarro para uma nova criação que refletisse sobre o futuro, num tempo em que os jovens de hoje terão a idade do seus avós, partindo da imaginação do elenco da Companhia e do que sabemos e sentimos sobre crises do mundo presente que ameaçam e exigem acção. Uma ficção coreográfica de múltiplas perspectivas e actos convergentes, com os textos de Patrícia Portela, a música de Noiserv, a paisagem cénica de Fernando Brízio e a iluminação desenhada por Daniel Worm.

Inserido desde 2021 no programa PARTIS & Art for Change, CAUSA MAIOR, propôs-se envolver a Companhia, os seus parceiros, seus públicos e colaboradores num apelo à consciência, debate e acção sobre o envelhecimento e o potencial de uma resposta cultural e das artes para intervir numa problemática social. Após residências e encontros com jovens e séniors em Guimarães, Cartaxo, Lisboa e Viseu, a Companhia Maior estreia a nova criação em janeiro de 2024, na Fundação Calouste Gulbenkian.

Produção do Cenário
Diogo Dias João (Coord.)
David Brasil
João Pires
Maria Bento

Parcerias
Escola Superior de Arte e Design das Caldas da Rainha
Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Biblioteca de Alcântara
Comuna Teatro de Pesquisa
Estúdios Victor Cordon
Junta de Freguesia de Alvalade

 

Parceria Multimedia
Escola Artística António Arroio
Profs: João Ribeiro e José Leitão
Alunos: Alexandra Vieira, Ana Carvalho, Bárbara Lima, Beatriz Almeida, Tarré, Inês  Serra, Inês Almeida, João Teixeira, Kai Gonçalves, Maria Caputo, Maria Farinha, Mariana Luís, Mariana Pardal, Mariana Vinagre, Maureny Prado, Miguel Silva, Romeu Sampaio, Sara Soares e Vera Ferreira

Apresentações

ESTREIA
27 janeiro 2024
Grande Auditório
Fundação Calouste Gulbenkian

7 e 8 março 2024
Teatro Viriato
Viseu

11 outubro 2024
Cineteatro Louletano
Loulé

Fotografias desta página: © João Cardoso Ribeiro

Co-Produção
Apoios Causa Maior 2021-2024

© Companhia Maior